Astronauta Ellen Baker, Marcos Pontes e Marcos Palhares

Dia 3 de Abril de 2016. Fui escalado para receber a astronauta Ellen Baker e sua filha Karen aqui em São Paulo. Seu voo era United Airlines UA-105 vindo por Houston, Estados Unidos e chegaria em Guarulhos precisamente as 9h30 da manhã.  Deveria aguardá-la na Base Aérea do 4ºETA na sala de desembarque de autoridades, onde de lá partiria em um helicóptero do exército “Pantera” em direção a cidade de Bauru para as comemorações dos 10 anos da Missão Centenário, realizada pelo meu compatriota e sócio, o astronauta Marcos Pontes.

A sala de autoridades merece uma descrição: não se acessa este local senão com autorização militar expressamente motivada, ou seja, não é qualquer pessoa que chega por esta sala e também não é qualquer pessoa que possue as credenciais para estar lá. No meu caso, o acesso pela portaria estava liberada pela Tenente Leal, que por sua vez recebeu ordens diretas do Coronel Ubiratan, que por sua vez autorizou o pouso da águia ao Major Bailone, que no entanto nada seria possível se não houvesse carta expressa do Comando do Estado Maior.

Assim, o local é reservado para receber Presidentes de países, chefes de Estado ou de forças militares, Ministros e até mesmo alguns artistas, músicos e ou celebridades a nível mundial. Esta sala foi riquissimamente decorada pelo meu amigo e vice-presidente do Instituto Alberto Santos Dumont (IASD), o senhor “Ordem do Cerrado 39”, mais conhecido como Dr.Ricardo Magalhães. O IASD do qual também faço parte como membro honorário do conselho e atuo como propagador da memória de nosso patrono do Ar Santos Dumont, realizou um trabalho fantástico decorativo por todas as dependências deste local, tão importante para a primeira impressão as pessoas tão poderosas que por lá são recebidas. São diversos quadros assinados pelo artista plástico e meu amigo pessoal Igor de Loyolla, como também de Romero Britto, além de um busto de Santos Dumont em bronze, materializando a identidade heróica de nosso inventor.

Assim que a astronauta chegou com sua filha eu estava lá para dar as boas vindas. Primeiramente solicitei sua assinatura no “Livro de Honra” que nada mais é que um livro que atesta a presença destes líderes em solo brasileiro e como parte do protocolo de autoridades. Uma pena, recebi a mensagem do Tenente Miuchi que o teto baixo devido ao mau tempo não permitiria a decolagem do Pantera, deste modo, a viagem até Bauru não mais se realizaria de helicóptero, mas sim por carro. A boa notícia é que  seriam 3 horas e meia juntos que ao meu ver, sobraria muito mais tempo para conhecermos um ao outro pessoalmente.

Ellen se mostrou todo o tempo curiosa, queria saber quem era Santos Dumont e também fez questão de tirar uma selfie com um quadro na parede de seu amigo pessoal Marcos Pontes, que também decorava a sala.

Uma vez que me apresentei, ela fez questão de saber um pouco mais sobre mim e minha relação com a Fundação Astronauta Marcos Pontes, da qual ela prestava a gentileza em participar como palestrante em nosso evento beneficiente. Logo simpatizei-me com aquela senhora de 64 anos bem vividos e que tinha histórias impressionantes para contar.

A astronauta Ellen Baker esteve 3 vezes no espaço, todas elas em missões realizadas pela Space Shuttle. Foi pela primeira vez ao espaço em outubro de 1989, na missão Atlantis STS-34, a missão que colocou a sonda Galileu em órbita e a caminho de Júpiter. Nela, Baker realizou diversas experiências médicas em microgravidade. A segunda missão, em junho/julho de 1992, na nave Columbia STS-50, realizou experiências nos campos da dinâmica de fluido, crescimento de cristais e biologia. Seu último voo espacial foi na Atlantis STS-71, em junho de 1995, aos 44 anos. Esta foi a primeira do programa Shuttle-Mir, a primeira acoplagem e troca de tripulação entre um ônibus espacial dos Estados Unidos e uma estação orbital russa. A Atlantis também levou ao espaço o laboratório científico Spacelab, onde várias experiências conjuntas dos dois países foram realizadas.

Atualmente ela é médica Oncologista e me disse ser apreciadora do trabalho realizado no Hospital do Câncer de Barretos, onde é amiga pessoal do seu diretor Paulo Prata. Embora acredita ser difícil voltar ao espaço novamente, ela reitera estar disposta para novas oportunidades, exceto a viagem a Marte, onde me relatou que não teria idade apropriada segundo a previsão destes voos.

Conversamos sobre os voos turísticos de civis ao espaço, das novas empresas de capital privado injetando recursos nesta área, das novas descobertas proporcionadas pelas missões recentes de Sondas do JPL e até mesmo de filmes como Gravidade, Contato, Sinais, Interestelar, StarWars e The Martian.

Ela não se sente uma pessoa especial, não curte badalações e churrasco. Sobre esta iguaria nacional informa que “assistir a carne pingando de sangue” é tudo que não deseja saborear. Queria saber sobre a crise política que estamos sofrendo, a lentidão da Justiça e sobre a dengue. Falei sobre a EMBRAER, meu orgulho em ser brasileiro, sobre nosso clima, nossa gente sempre alegre e receptiva, e também sobre as Olimpiadas, onde fui convocado pelo Comitê para fazer parte no revezamento e carregar a Tocha. Falei muito sobre o evento, os dez anos da Missão Centenário era uma data especial e isso representava um fato marcante para nosso povo e de sua importância em estar alí conosco. Por fim, falei o quanto é gratificante fazer parte de tudo isso com o astronauta Marcos Pontes e poder presenciar uma cerimônia tão bonita.

Rimos, contamos histórias e sonhamos juntos. Ter a companhia da astronauta Ellen Baker foi um destes momentos que não esquecerei.

Ao chegar em Bauru, Marcos Pontes aguardava no Hotel junto a uma equipe da TV Globo, a astronauta Baker teria sua primeira entrevista (na minha opinião, a segunda!).

O pacote estava entregue e a “mensagem a Garcia” garantida. Missão cumprida.

Posts recentes

Deixe um Comentário

Comments
  • Silas
    Responder

    Prezado Marcos

    Que legal ter como “carona” a astronauta Ellen Baker!

    Também foi um prazer conhecê-lo e receber informações sobre a Agencia Marcos Pontes, durante minha estada no evento 10 anos da Missão Centenário.
    Espero nos próximos anos concretizarmos algum roteiro espacial.

    Um abraço

    Silas

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar